Image

Modificações no Código de Trânsito

Uma das mudanças torna infração grave punida com multa, o ato de transportar ou manter embalagem não lacrada de bebida alcoólica no veículo em movimento, exceto no porta-malas ou no bagageiro.Outra alteração mantém a pena de prisão hoje prevista na legislação para os casos de motorista embriagado que tenha provocado acidente grave.Quanto ao uso da cadeirinha, o Senado propõe que o equipamento, que pode ser um assento de elevação (booster) ou uma cadeira especial presa ao assento, deverá ser adequado ao peso e à altura da criança.A proposta mantem a alteração na pontuação para a suspensão da carteira.O Motorista será suspenso:

Com 20 pontos se tiver cometido duas ou mais infrações gravíssimas

Com 30 pontos se tiver uma infração gravíssima

E com 40 pontos se não tiver cometido infração gravíssima nos 12 meses anteriores.

Há uma alteração que beneficiará o motorista que exerce atividade remunerada, e a suspensão que ocorrerá apenas com 40 pontos, independentemente da natureza das infrações. Valerá para motoristas de ônibus ou caminhões, mas também para os taxistas e motoristas de aplicativo ou mesmo moto-taxistas.Caso seja aprovado sem modificações o texto seguirá para sansão presidencial. No caso de modificações o texto retornará para o Senado.

Categoria: Financas