Image

Câmara aprova projeto que suspende pagamento do Fies na pandemia

Seguiu para sanção presidencial projeto que suspende os pagamentos dos estudantes ao Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) em razão do estado de calamidade pública decretado em virtude da pandemia de coronavírus. O Projeto de Lei 1.079/2020 foi aprovado pelo Plenário da Câmara dos Deputados na noite dessa quinta-feira (18). Pelo substitutivo do Senado, terão direito à suspensão dos pagamentos os estudantes em dia com as prestações do financiamento e aqueles com parcelas em atraso por, no máximo, 180 dias, contanto que tenham sido devidas até 20 de março de 2020, pois a partir dessa data contam com suspensão. Essa suspensão passa de 60 dias para até 31 de dezembro de 2020. O Fies é um programa do governo federal que financia a graduação no ensino superior para alunos que não têm condições de pagar a universidade privada. O Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) opera o Fies. Se a lei for sancionada, ficarão suspensos os pagamentos de amortização do saldo devedor

eventuais juros incidentes

quitação das parcelas oriundas de renegociações de contratos, por parte dos estudantes beneficiários.

Categoria: Beneficios