Image

Sebrae e CFC lançam programa para preparar profissionais da contabilidade para ajudar as MPEs

O Sebrae e o Conselho Federal de Contabilidade (CFC) desenvolveram um programa em parceria para capacitar os profissionais da contabilidade para atuar em gestão, empreendedorismo e inovação. A ideia é que esses profissionais se preparem para ajudar as Micro e Pequenas empresas (MPEs) como uma rede de suporte e consultoria.

O Programa Contador Parceiro: Construindo o Sucesso vai qualificar profissionais da contabilidade de todo o país para o atendimento aos pequenos empresários. O curso é conta com 13 módulos que abordam temas como:

• Tendências de mercado

• Liderança

• Estratégia

• Empreendedorismo

• Diagnóstico

• Consultoria

• Sustentabilidade

• Tecnologia e inovação.

O vice-presidente de Desenvolvimento Profissional do CFC, contador Aécio Prado Dantas Júnior, pontua que a capacitação dos profissionais da área contábil ainda está muito concentrada nos conhecimentos técnicos.

“Há a necessidade de ter um novo olhar, uma visão mais holística do negócio dos nossos clientes, no caso, as pequenas empresas. O Programa Contador Parceiro: construindo o sucesso vem com essa proposta”, explica.

Dados do Sebrae mostram que a maioria das empresas estão enquadradas entre micro e pequenos negócios, os quais necessitam muito do auxílio dos contadores para crescer. Assim, este programa foi criado pensando na importância do profissional da contabilidade para o desenvolvimento das MPE, especialmente na retomada econômica pós-pandemia de Covid-19.

Para o vice-presidente do CFC, o mercado atual exige um profissional contábil muito mais consultor de negócios e menos executor. “As empresas precisam de um profissional que seja realmente o braço direito, a bússola do gestor para que possa efetivamente ajudá-lo na tomada de decisões.”

O conteúdo do Programa Contador Parceiro contempla, entre outros tópicos, como se posicionar frente às tendências de mercado, como traçar estratégias vencedoras de relacionamento digital, como implantar técnicas de liderança e como atuar em equipe. Além disso, o contador vai aprender como ser parceiro dos pequenos negócios, implantar técnicas e ferramentas de gestão, realizar análise de viabilidade de negócios e aplicar a Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGPD) .

“É uma trilha de conhecimento que perpassa por todas essas áreas que envolvem a gestão dos micro e pequenos negócios. Então, o contador não vai se preocupar apenas com aquelas tarefas diárias do seu escritório, mas vai precisar ter um conhecimento mais amplo para que ele mergulhe na gestão do cliente e, assim, contribua com o empreendedorismo e com o desenvolvimento dessas empresas”, complementa o vice-presidente de Desenvolvimento Profissional do CFC.

Programa Contador Parceiro

De acordo com a organização, uma das metas do programa prevê que, até o final de 2023, sejam qualificados mais de 100 mil profissionais da Contabilidade no Brasil, o que representa algo em torno de 20% do total de profissionais registrados nos Conselhos Regionais do país.

Outra meta é habilitar 20 mil profissionais para atuar na rede de atendimentos do Sebrae. A meta final é atender 550 mil Micro e Pequenas Empresas por meio dos profissionais da contabilidade até abril de 2023.

Para mais informações e detalhes sobre o Programa Contador Parceiro, clique aqui.